domingo, 1 de janeiro de 2017

Saiba o resultado da avaliação dos setores municipais na gestão de Franciní Guedes (2013-2016)

Posted at  domingo, janeiro 01, 2017  |  in  Governo Municipal

“Jaguaribara em Foco” realizou durante os dias 8 de novembro de 2016 até 3 de janeiro de 2017, uma pesquisa de caráter qualitativo e sem vínculos com organizações governamentais a respeito do gestão do tucano Franciní Guedes, eleito prefeito do município no pleito de 2012, estando sua gestão incluída no quadriênio 2013-2016.
Através de um formulário do Google Forms, os internautas de “Jaguaribara em Foco” tiveram a oportunidade de avaliar a gestão do agora ex-prefeito quanto aos setores municipais associados à Prefeitura Municipal de Jaguaribara. A presente pesquisa contou com a participação de 102 pessoas que não eram obrigadas a se identificarem. Veja a seguir o resultado referente a cada setor municipal.

EDUCAÇÃO
A secretaria de educação de um município tem a função de desenvolver, implementar e zelar pela política de educação municipal; desenvolver, promover e apoiar programas e eventos educativos; propor, desenvolver, adotar e adaptar métodos e técnicas capazes de fazer da educação um processo atraente e acessível a todas as faixas da população; e propor inovações e modernizações de valor reconhecido na área da educação, tornando-a instrumento de conscientização e formação de cidadania.
A educação no município de Jaguaribara na gestão de Franciní Guedes foi avaliada como “boa” por 40,2% dos que responderam ao formulário; 30,4% consideram razoável. No entanto, 13,7% julgaram como ruim, 9,8% avaliam como excelente e 5,9% como péssima.
Resumidamente, 50% aprovaram (excelente + boa), 30,4% consideraram como razoável e 19,6% reprovaram (ruim + péssimo).

SAÚDE
As principais atribuições da secretaria municipal de saúde é planejar, organizar, controlar e avaliar as ações do município, organizando o SUS no âmbito municipal; viabilizar o desenvolvimento de ações de saúde através de unidades estatais ou privadas, priorizando as entidades filantrópicas; e participar na constituição do SUS, de forma integrada e harmônica com os demais sistemas municipais.



Na avaliação dos internautas jaguaribarenses que participaram da pesquisa, a saúde na gestão de Franciní Guedes se encontrou no estado razoável com 37,3%. Em seguida, vem o status de péssima com 25,5% e ruim com 21,6%. Nesse segmento, o índice de aprovação é pequeno, sendo que apenas 10,8% consideraram como boa e 4,9% julgam como excelente.
Resumidamente, 47,1% reprovaram (ruim + péssimo) a pasta da saúde, 37,3% opinaram em razoável e 15,7% aprovaram (excelente + boa).

CULTURA
Entre as competências da secretaria de cultura estão a de incentivar a participação da comunidade na elaboração e proposta de planos projetos e eventos de natureza cultural; realizar atividades que possibilitem à população a convivência com as artes em geral, despertando-lhe o interesse pela cultura; promover ações visando à valorização do artista local; e elaborar programas referentes à proteção e divulgação do patrimônio histórico e cultural do Município. Em Jaguaribara, a pasta da cultura é colocada juntamente com a de esporte e juventude, o que desvaloriza esse importante setor governamental.
A pasta da cultura na gestão de Franciní Guedes é a mais rejeitada de todas. Mais da metade dos participantes da pesquisa conceituaram como péssima (52%), assim como 25,5% deles julgaram como ruim. Por outro lado, 17,6% consideraram como razoável, ante 4,9% que optaram por boa. Ninguém optou por excelente.
Resumidamente, 77,5% reprovaram (ruim + péssimo) a pasta da cultura, 17,6% opinaram em razoável e apenas 4,9% aprovaram (excelente + boa).

ASSISTÊNCIA SOCIAL
Essa secretaria objetiva a execução das políticas públicas de proteção social aos cidadãos; o acompanhamento, elaboração e execução de políticas de combate às drogas; a coordenação e implementação dos programas de atenção social à família e enfrentamento à pobreza; a execução de programas proteção especial e das medidas socioeducativas restritivas de liberdade; a coordenação e implementação dos programas de atenção social à pessoa idosa e da terceira idade por meio de realização direta e/ou indiretamente do atendimento, viabilizando novas formas de convívio sócio familiar; entre outras.
O trabalho desenvolvido pela secretaria de assistência social de Jaguaribara de 2013 a 2016 foi bem reconhecido pelos internautas que avaliaram a gestão de Franciní Guedes, pois 39,2% dos participantes da pesquisa avaliaram a pasta como boa. Optaram por razoável 27,5%. Na controvérsia, 13,7% julgaram como péssima e 12,7% ruim. Por último, avaliaram como excelente 6,9% deles.
Resumidamente, 46,1% aprovaram (excelente + boa), 27,5% consideraram como razoável e 26,4% reprovaram (ruim + péssimo).


ESPORTE E LAZER
Como a pasta de esporte, cultura e juventude foram agrupadas em uma única secretaria, coube ao secretário nomeado por Franciní desenvolver ações que atingisse os três segmentos. Assim, entre as funções da secretaria de esportes estão a de organizar, amparar, incentivar e supervisionar as atividades esportivas, de recreação e de lazer no município; apoiar e supervisionar o desenvolvimento dos esportes amadores e da Educação Física, estimulando à prática dos esportes; promover programas desportivos e de recreação, de interesse da população; e promover e incentivar ações para a prática de atividades inclusivas para 3ª idade e deficientes.
Assim como a pasta de cultura, o esporte e o lazer não foram bem vistos na opinião dos internautas que participaram da pesquisa de “Jaguaribara em Foco”. Isso é evidenciado por 46,1% deles atribuírem péssimo e 28,4% julgarem ruim essa secretaria. No entanto, 19,6% consideraram razoável, ante 3,9% bom e 2% excelente.
Resumidamente, 74,5% reprovaram (ruim + péssimo) essa pasta, 19,6% opinaram em razoável e 5,9% aprovaram (excelente + boa).

SANEAMENTO BÁSICO
Saneamento básico é o conjunto de medidas adotadas em uma cidade, para melhorar a vida e a saúde dos habitantes impedindo que fatores possam prejudicar as pessoas no seu bem-estar físico mental e social. O abastecimento de água potável, o esgoto sanitário, a limpeza urbana, o manejo de resíduos sólidos e drenagem das águas pluviais são o conjunto de serviços de infraestruturas e instalações operacionais que vão melhorar a vida da comunidade.  É importante a preocupação dos governantes garantirem o bem estar e a saúde da população desde que também sejam tomadas medidas para educar a comunidade para a conservação ambiental.
Para a maioria dos 102 jaguaribarenses que participaram da pesquisa, o saneamento básico da cidade estava na gestão do tucano razoável, sendo que 55,9% deles optaram por essa opção. Em segundo lugar vem bom com 17,3%. Por último vêm ruim e péssimo, com 14,7% e 11,8%, respectivamente. Ninguém julgou com excelente.
Resumidamente, 55,9% acham em razoável, 26,5% reprovaram (ruim + péssimo) e 17,6% aprovaram (excelente + boa).

ADMINISTRAÇÃO DE RECURSOS E PAGAMENTO DE PESSOAL
A secretaria de administração tem a missão geral de planejar, coordenar, normatizar e executar os sistemas de administração da Prefeitura. É responsável por fazer seleção, treinamento, pagamento e controle funcional e financeiro de pessoal; modernização da estrutura organizacional e dos métodos de trabalho; racionalização do uso de bens e equipamentos da administração municipal; controle do material permanente e de consumo; manutenção.
Esse foi o quesito mais bem avaliado na gestão de Franciní Guedes. Por ser economista, o ex-prefeito foi reconhecido no gerenciamento de recursos do município e no pagamento em dia dos funcionários, pois 35,3% declaram como bom e expressivamente 22,5% julgam a pasta como excelente. Somado a isso, tem-se 30,4% dos votos para razoável. Por outro lado, há quem critique: 7,8% atribuíram ruim e apenas 3,9% consideraram péssimo.
Resumidamente, 57,8% aprovaram (excelente + boa), 30,4% julgaram razoável e 11,7% reprovaram (ruim + péssimo).

ECONOMIA E GERAÇÃO DE RENDA
Economia é uma ciência que estuda os processos de produção, distribuição, acumulação e consumo de bens materiais. O conceito de economia engloba a noção de como as sociedades utilizam os recursos para produção de bens com valor e a forma como é feita a distribuição desses bens entre os indivíduos. No caso de Jaguaribara, por exemplo, a base econômica do município é basicamente a piscicultura, a agricultura e a pecuária, sem mencionar o funcionalismo público. As três primeiras encontram-se em crise devido a escassez de água, enquanto o funcionalismo público está assoberbado e o comércio, por sua vez, movimenta-se de forma lenta e atrasada. Somado a isso, nosso município carece de iniciativa política para promover a economia local: há promessas, mas falta realizá-las.
O fato de a maioria com 33,3% julgarem como péssima nossa economia é reflexo dos problemas citados acima. Depois, há um empate entre ruim e razoável, ambos com 27,5%. Por outro lado, alguns internautas consideraram como boa e excelente, sendo 8,8% e 2,9%, respectivamente.
Resumidamente, 60,8% reprovaram (ruim + péssimo) a maneira que nossa economia foi promovida na gestão de Franciní, 27,5% opinaram em razoável e 11,7% aprovaram (excelente + boa).

CONSIDERAÇÕES FINAIS
Para concluir o preenchimento do formulário, os internautas foram convidados a descreverem alguma consideração final em relação ao governo de Franciní Guedes. Essa opção não era obrigatória, mas sim facultativa. Nesse contexto, 21 dos 102 participantes deixaram sua mensagem. Essas estão transcritas a seguir de forma fidedignas a escrita do internauta, por isso algumas apresentam erros de ortográfia, pontuação, etc. Veja-as:
Economia precária: só temos a piscicultura e a prefeitura
Deixou a desejar
Deveria ter feito mais, ser mais presente no município
Ele não teve como trabalhar pq o prefeito anterior deixou a prefeitura em situação crítica e não teve como ele trabalhar
Esse prefeito só recebe o dinheiro dele lá na capital e deixa a prefeitura nas mãos de seus empregados, que só sabem maltratar
Muito fraco
Na campanha ele prometeu ser transparente com o dinheiro do município e quando foi eleito nem na cidade aparecia
Nunca vi uma gestão tão ausente
Pessima administração
Poderia ter sido melhor. Faltou investimento junto a população
Todos Pensavam Que Ele Ia Fazer Alguma Coisa Por Jaguaribara, Mas Nn fez Po*** Nem Uma, Me Desculpa Franciní Vc Decepcionou
Trabalhou com honestidade, ética.
Faltou cultura, esporte e lazer
Mais ou menos
Nada presta. A única coisa que presta foi o pagamento dos funcionários em dia
Não presta [citado 2 vezes]
Poderia ter sido melhor.
Pra mim não foi um bom frefeito falto muitas oisas pra ele fazer
Péssimo
Tudo razoável


RACKING DOS SETORES POR APROVAÇÃO
APROVAÇÃO
SETOR
INDICE DE APROVAÇÃO
ADMINISTRAÇÇÃO DE RECURSOS E PAGAMENTO DE PESSOAL
57,8%
EDUCAÇÃO
50%
ASSISTÊNCIA SOCIAL
46,1%
SANEAMENTO BÁSICO
17,6%
SAÚDE
15,7%
ECONOMIA E GERAÇÃO DE RENDA
11,7%
ESPORTE E LAZER
5,9%
CULTURA
4,9%

RACKING DOS SETORES POR REPROVAÇÃO
REPROVAÇÃO
SETOR
INDICE DE REPROVAÇÃO
CULTURA
77,5%
ESPORTE E LAZER
74,5%
ECONOMIA E GERAÇÃO DE RENDA
60,8%
SAÚDE
47,1%
SANEAMENTO BÁSICO
26,5%
ASSISTÊNCIA SOCIAL
26,4%
EDUCAÇÃO
19,6%
ADMINISTRAÇÇÃO DE RECURSOS E PAGAMENTO DE PESSOAL
11,7%

RACKING DOS SETORES POR RAZOABILIDADE
RAZOABILIDADE
SETOR
INDICE DE RAZOABILIDADE
SAÚDE
37,3%
EDUCAÇÃO
30,4%
ADMINISTRAÇÇÃO DE RECURSOS E PAGAMENTO DE PESSOAL
30,4%
ASSISTÊNCIA SOCIAL
27,5%
ECONOMIA E GERAÇÃO DE RENDA
27,5%
SANEAMENTO BÁSICO
26,5%
ESPORTE E LAZER
19,6%
CULTURA
17,6%


"Jaguaribara em Foco" agradece aos internautas que participaram.

Curta e compartilhe

0 comentários:

.
--
Copyright © 2013 Jaguaribara em Foco. Blogger Template by BloggerTheme9
Proudly Powered by Blogger.
back to top